You are currently viewing Entenda o que define o parto humanizado

Entenda o que define o parto humanizado

  • Post author:
  • Post category:Blog

Seja onde for, no hospital, em casa, na água, com cirurgia ou sem, o seu parto pode (e deve) ser da maneira como você quer, e que sua saúde e as ocasiões permitam. Hoje falaremos sobre o que é um parto humanizado e como ele acontece. Vamos lá?

O que é o parto humanizado?

Existem muitas especulações sobre esse assunto, mas a verdade é que o parto humanizado é aquele no qual as decisões da mulher são levadas muito mais em conta do que no parto convencional.

Isso significa que serão feitas o mínimo de intervenções possíveis, apenas aquelas autorizadas pela mulher, e que são necessárias para a saúde da gestante e do bebê. Fazendo com que o momento aconteça muito mais naturalmente. Mas para que isso seja possível, é preciso que mãe e bebê estejam completamente saudáveis, sem nenhuma necessidade de cuidados extras.

Não importa onde, em um parto humanizado, a ação é toda da gestante, que segue o processo fisiológico do parto. Nesse caso, o médico fica junto, muito mais como observador, pronto para caso necessite fazer alguma intervenção.

Ao humanizar o processo do parto, a grávida fica muito mais a vontade para escolher fazer o que se sentir melhor, por exemplo pode andar, variar posições e escolher quem quer ao seu lado.

Mas todo parto normal é humanizado?

Não exatamente. Vejamos a quantidade de procedimentos de intervenção feitos em um parto normal: Anestesia/analgesia, diversos exames vaginais, monitoramento contínuo dos batimentos cardíacos e das contrações por meio eletrônico, posição fixa e possivelmente desconfortável da gestante durante o processo, soro e medicamentos controladores das contrações, jejum, uso de fórceps, episiotomia, “lavagem” intestinal, entre muitos outros.

Depois de tantas intervenções, é ilógico dar o nome de humanizado à esse processo. E é muito preocupante que em muitos hospitais todas essas intervenções acabaram virando rotina, mesmo não sendo necessárias, e são realizados sem consultar a gestante ou seus familiares. Por isso cada vez mais as mulheres optam pelo parto humanizado.

CLIQUE E VEJA: Mitos e verdades sobre amamentação

Uma cesárea pode ser humanizada?

A cesárea, quando realizada por motivos de necessidade, pode sim ser mais humanizada. Acaba não sendo um parto humanizado propriamente dito, por haver intervenções, mas podem ser feitas alterações para deixá-lo mais humano. Por exemplo manter o acompanhante na sala, controlar, dentro do possível, a luz e os ruídos, diminuir a manipulação do bebê, deixar o pai cordão o cordão umbilical e deixar o bebê mamar logo após o nascimento.

Como se preparar para um parto humanizado?

Antes de tudo um bom pré-natal deve ser feito, para ter certeza da saúde da mãe e do bebê. Procure também um obstetra que se interesse pelo assunto e que saiba conduzir o parto nessa modalidade. Converse com esse médico sobre suas preferências e escolhas e veja e estas são possíveis. Caso seja necessário, troque de médico, e procure conselhos e indicações de profissionais em grupos de apoio ao parto humanizado. Tenha em mente que para que essa modalidade seja possível, você vai precisar de uma estrutura mínima para isso, e profissionais capacitados e de confiança.

Veja também: Como a idade afeta a fertilidade

 

Gostou? A Clínica Mantelli conta com a experiência e profissionalismo de profissionais capacitados para lhe atender. Entre em contato conosco e agende sua consulta.